Correção da tabela do IR: Isenção para quem ganha até R$ 5.000 é imprescindível

By
Updated: novembro 7, 2022

A Promessa de campanha do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva, que amplia a faixa de isenção do Imposto de Renda, é um dos itens que está em negociação entre a equipe de transição do novo governo Lula e do Congresso Nacional. Durante a campanha o presidente eleito Lula defendeu ampliar a faixa de isenção do IR para quem ganha até R$ 5 mil por mês.

Vale lembrar que a tabela não sofre atualização desde 2015. Por esse motivo, a cada ano que a tabela passa sem ser atualizada, o número de assalariados que precisam pagar Imposto de Renda só cresce. Só estão livres do imposto de Renda quem recebe até R$ 1.903,98 por mês.

Se a tabela não for corrigida ainda esse ano, os trabalhadores e trabalhadoras que recebem 1,5 salário mínimo mensal, (R$ 1.947, com base na correção prevista na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO – Lei 14.436, de 1922) já deverá pagar o imposto no próximo ano.

 

Antonio Silvan Oliveira, presidente do SindiQuímicos Guarulhos e da CNTQ, avalia que a isenção para quem ganha até R$ 5.000 é imprescindível. “Estamos falando de assalariados que estão endividados. A ampliação da faixa de isenção, já nesse ano, para quem ganha até R$ 5.000, ajudará a cumprir um outro compromisso de campanha do presidente eleito, que é dar condições para que os trabalhadores (as) possam organizar sua vida financeira, quitando dividas e limpando o nome. Isso fará com que os trabalhadores voltem a consumir e por consequência fazer a economia girar.”

You must be logged in to post a comment Login