Bolsonaro que acabar com FGTS, que governo militar criou em 1967

By
Updated: agosto 2, 2019

Fim do FGTS é porta aberta para demissões

Outra sacanagem do governo Bolsonaro é acabar com o FGTS. Talvez ele não saiba que o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço foi criado pelos militares em 1967. Ele retirou a estabilidade no emprego, facilitando a demissão de trabalhadores. O dinheiro seria para ajudar no financiamento e construção de imóveis.
Para criar o FGTS, dois artigos da CLT foram inutilizados: o que previa a indenização de um mês de salário por ano trabalho, caso de demissão imotivada, e o que assegurava estabilidade no emprego ao funcionário do setor privado que completasse dez anos de serviço na mesma empresa.
Falta de moradia
FGTS não ajudou a reduzir número de pessoas sem casa no Brasil

Ao liquidar com a estabilidade do trabalhador no emprego, em troca do depósito de 8% do salário numa conta individual, com o demitido resgatando o dinheiro, o regime militar pretendia investir na construção de moradias. Decepção! Hoje, 52 anos depois o Brasil tem 11,4 milhões de pessoas morando em favelas e 7,78 milhões sem ainda realizar o sonho de comprar a casa própria.

You must be logged in to post a comment Login